Mulheres do Software Livre

Posts marcados ‘mulheres e TI’

Tem mulher na área: O que o homens pensam?

Não é de hoje que as mulheres vem conquistando seu espaço em diversas áreas e podemos dar claros exemplos aqui como, na medicina, advocacia, jornalismo, arte e diversas outras mas em TI, será que são tantas como nas outras? Infelizmente ainda não e podemos ver isso nos cursos universitáios onde de uma turma 50 alunos 3 são do sexo feminino.

Nesses ambientes masculinos normalmente acontecem diversos tipos de brincadeiras e piadinhas das mais inconvenientes possíveis e isso com certeza afasta boa parte das mulheres, principalmente quando não tem nenhuma outra no setor. Não podemos esquecer também da sociedade que recrimina logo quando a mulher tem que ficar até mais tarde no trabalho o que acontece com bastante frequência em alguns setores.

Para entrar e se manter nessa área além de seu conhecimento, ela tem que ter um pulso firme e muitas vezes ser “a chata”, para que ela possa ter respeito e reconhecimento profissional e por conta da mulher, normalmente ter uma dupla jornada de trabalho onde uma é em casa e a outra na empresa faz com que ela tenha um destaque maior que o homem, por ser mais organizada, paciente, dedicada e saber ouvir mais o que é de grande valor principalmente em cargos de gestão e liderança.

Conversando com alguns rapazes e perguntando sobre suas opiniões sobre as mulheres que eles conhecem e/ou trabalham com eles, algumas de suas opiniões foram que não olham a mulher nessa área como uma pessoa do sexo feminino mas sim como um profissional do sexo feminino onde toda e qualquer atividade técnica pode ser realizada com competência, pois na verdade é uma questão de aptidão e não de sexo.

Outros resaltaram o fato de serem caprichosas e preocupadas com detalhes além de quebrarem a “atmosfera sombria” com enfeites e bichinhos em suas mesas e dando mais vida e alegria as empresas. Falaram também da garra e dedicação a vida profissional e acadêmica que para elas andam lado a lado, pelo menos para a maioria, fazendo com que elas ganhem ainda mais destaque.

Já outro comentou algo bastante interessante dizendo que as mulheres tem um processamento multi-tarefa, ao contrário do homem que procuram normalmente focar somente uma coisa.

Um dos comentários que achei bem interessante foi o de que para as mulheres é mais difícil aguentar a rotina de trabalho alta, precisando algumas vezes passar noites na empresas ou em clientes, sem contar algumas viagens de última hora que muitas vezes acontecem.

Como mulher posso dizer que o mercado está de portas abertas e a espera de profissionais independentemente do sexo, o que é preciso é competência, garra e principalmente gostar de desafios, pois isso é algo comum nessa área.

Esta matéria foi publicada na Revista Espírito Livre Edição 12

Krix Apolinário

06 de março de 2010